11

Melhores Leituras do Primeiro Semestre de 2017


Oi gente que ama livros, hoje venho compartilhar com vocês as minhas melhores leituras da primeira parte do ano. Li no primeiro semestre 47 livros e posso garantir que a grande maioria das leituras foi muito proveitosa, mas é claro, sempre tem aqueles livros que se destacam de alguma forma e eu trago pra vocês os quatro livros que no primeiro semestre ganharam 5 estrelas e com certeza, entraram para o Hall da Fama do meu coração de leitora.

Vamos conferir?

Garoto 21 - Matthew Quick: O livro nos traz o Finley, um garoto tranquilo, que mora com o avô e o pai, em um bairro pobre e violento de Bellmont, uma cidade no interior da Pensilvânia. Finley namora a sua melhor amiga e ambos são apaixonados por basquete.  Até que um dia, o treinador de basquete pede para que ele ajude um novo aluno. O nome dele é Russ e ele teve os pais assassinados, e em função disso, ficou um pouco desorientado. O treinador então pede que Finley seja um bom amigo para o Russ e que o convença a jogar no time. Finley atende ao pedido do treinador de bom grado, porém ele sabe que se convencer o Russ a jogar, ele perderá a sua posição na equipe. O livro então irá se desenvolver na amizade que o Finley e o Russ terão e a forma como este relacionamento amadurece e como o Finley tem que lidar com suas próprias limitações, é maravilhoso. É um livro que eu recomendo de olhos fechados para quem gosta de histórias com a amizade sendo o foco central da trama. É um livro perfeito.
Resenha AQUI

Toda Luz Que Não Podemos Ver - Anthony Doerr: O livro nos traz dois personagens muito fortes dentro da trama. Werner é um garoto órfão no início da década de 40, que acompanhado de sua irmã, mora em um orfanato no interior da Alemanha. Certa vez, ele encontra um rádio quebrado e ele acaba consertando o aparelho e essa atitude simples, abre as portas para ele em várias situações. Paralelo a isso, temos em Paris, uma garotinha chamada Marie-Laure, que ficou cega bem cedo em função da catarata. O pai de Marie era uma espécie de chaveiro no museu e diariamente, abria e fechava as portas da instituição. A filha o acompanhava todos os dias para o trabalho e assim, tinha acesso a muitas pessoas inteligentes e interessantes. Marie aprendeu a ler em braile se tornou uma verdadeira fangirl do escritor Julio Verne. Então, ainda na infância, estes dois personagens, em países e circunstâncias muito diferentes em alguns aspectos, mas muito próximos por outros, se vê vivendo na segunda guerra mundial. A tristeza e o caos da guerra alcançam estas crianças de formas diferentes, mas ainda assim, muito intensa. Para quem gosta de livros que possuem guerras como pano de fundo histórico, o livro é um verdadeiro banquete. Com um final emocionante e bem melancólico, o livro se tornou uma das melhores leituras do ano pra mim.
Resenha AQUI

Milagre nos Andes – Nando Parrado: O livro nos conta a história de sobrevivência de um grupo de pessoas que sofreram um acidente de avião na Cordilheira dos Andes, local inóspito entre a Argentina e o Chile. Essa história era extremamente popular nas décadas de 80 e 90 e muitos documentários e filmes foram feitos baseados nos relatos, mas confesso que eu nunca me interessei muito, por isso quando comecei a ler o livro, imaginei que a leitura seria tediosa e irrelevante. Porém encontrei além de um texto inteligente e muito sensível, uma das histórias mais fortes de superação e luta pela vida que eu já li na minha vida. Talvez por ser uma história real, isso me afetou muito e em várias partes do livro, eu vibrava com as pequenas conquistas que eles faziam para sobreviver e em outras, eu me emocionava quando tudo ao redor deles era desolação e morte. É um livro forte, bem escrito e uma verdadeira lição de vida. Amei completamente.
Resenha AQUI

Nossa Música – Dani Atkins: O livro nos traz dois homens dando entrada no mesmo hospital em estados críticos de saúde. Joe caiu dentro de um lago congelado após salvar uma criança e um cachorro. E David teve um infarto dentro de uma joalheria. As esposas dos dois homens são comunicadas que precisam ir para o hospital e então, conhecemos Ally, esposa de Joe e Charlotte, esposa de David. A princípio percebemos que a vida dos dois casais é muito diferente, pois Joe e Ally são humildes e vivem em um bairro mais modesto da cidade e David e Charlotte já gozam de mais conforto e dinheiro, então, após algumas apresentações, sabemos que aquelas pessoas se conhecem de um passado cheio de mágoas e medos. Este foi um livro que me fez chorar como poucos livros fizeram. Tudo bem que eu realmente me emociono com narrativas dramáticas, mas este livro alcançou outro nível. Envolveu-me e me fez sofrer de verdade, como se eu tivesse conhecido os personagens. Para quem gosta de uma historia romântica, com drama e muito bem escrita, este livro é a escolha certa.
Resenha AQUI

Estas foram as minhas melhores leituras em 2017 e estou muito feliz por ter conhecido estas histórias e por elas terem me emocionado tão intimamente.

Agora quero saber quais foram as suas melhores leituras em 2017. Deixem nos comentários os livros que vocês mais amaram ler, e com certeza, se eu ainda não li, já incluirei na minha lista de leituras para o segundo semestre do ano.

Beijos
Comentários
11 Comentários

11 comentários:

  1. Ola
    Desses só li Nossa música e fiquei encantada pela história, estou recomendando muito essa leitura para meus amigos. Toda luz que não podemos ver e Garoto 21 seguem na minha lista de desejados.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Quero muito ler Nossa Música e Toda luz que não podemos ver 🙂
    As minhas melhores leituras esse ano foram Extraordinário e Os 13 porquês!

    Books & Impressions

    ResponderExcluir
  3. Oi Ivi,

    Eu não li nenhum desses livros acredita? Mas Toda Luz que não podemos ver está entre uma das leituras que eu pretendo realizar ainda esse ano. Minhas melhores leituras foram Outlander e Pequenas Grandes mentiras, definitivamente livros incríveis ♥

    bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi, Ivi! Nossa, 47 livros! Esse ano eu estou tão lerda, que mal cheguei na metade de livros que vc leu! rsrs
    Adorei a sua lista, tenho dois deles comigo que ainda não li, que são Garoto 21 e Toda luz que não podemo ver. Também me interessei por Nossa música! (mas acho melhor primeiro ler esses que ainda não li, né? rsrs)
    Dos livros lidos este ano, eu recomendo Mitologia Nórdica, de Neil Gaiman, A Fúria e a Aurora, A viúva, Becky Bloom ao Resgate, da Sophie Kinsella e Quando a noite cai, da Carina Rissi.
    Bjos!
    Por essas páginas

    ResponderExcluir
  5. Oii!
    Não li nenhum desses livro,mas tenho curiosidade sobre o livro "toda a luz que não podemos ver",eu faço uma lista semelhante a essa no meu blog,mas deixo pro final do ano,em uma espécie de perspectiva literária.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi.
    Ainda não li nenhum dos livros que você destacou nessa lista.
    E faz um tempo que falo isso, mas realmente preciso controlar minhas leituras. Não sei dizer quais foram os livros que li ano passado e esse ano. Vou fazer uma planilha para começar a anotar.
    Bom, dos que mais gostei, posso destacar Fortaleza Negra da autora brasileira Kel Costa, não sei se é um gênero que você gosta, mas a escrita da autora é excelente e ela conseguiu me surpreender bastante trazendo ares novos a um tema que já foi muito batido.
    E também o Foxcraft: magia da raposa, acho que pode ser uma boa pedida para você que gosta de ler com seu filho.
    Como eu disse, a falta de organização só me permitiu lembrar desses agora. Mas gostei da sua lista, e acrescentei alguns títulos à minha lista de futuras leituras.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Desses eu só conhecia "Toda luz que não podemos ver", mas ainda não o li. Nossa Música também parece ser bom por conta dos personagens serem diferentes e ainda assim terem uma ligação. Espero que ao longo do ano você possa trazer mais novidades de livros que te conquistaram!

    www.virandoamor.com

    ResponderExcluir
  8. Uau, 47 livros, que marca, que show! Não li tantos assim até o momento, estou mais em uma onda de contos do que de obras mais extensas. Dos livros que você citou só ouvi falar brevemente do Nossa Música, que tenho vontade de ler, e os outros desconhecia até então. Mais ótimas leituras pra você nesse segundo semestre, bexitus!

    ResponderExcluir
  9. Olá Ivi!!
    Ahh menina acredita que eu não tive a oportunidade de ler nenhum desses livros que listou?
    Mas vou te contar que eu tenho muita vontade de ler Garoto 21 e o Nossa Música, inclusive esse último já está na minha estante esperando que eu o leia haha

    beijos
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Eu estou doida para ler Nossa música, porque amo a escrita dessa autora e todas as resenhas que estou vendo desse livro estão dizendo que ficaram aos prantos e que se emocionaram muito com essa história.
    Toda luz que não podemos ver também é um dos meus desejados

    ResponderExcluir
  11. Olá flor!

    Dos seus livros preferidos do semestre eu só ouvi falar do Toda Luz Que Não Podemos Ver, mas não me empolguei para ler. O que realmente me chamou a atenção foi o Nossa Musica, acho que esse me agradaria bastante, vou anotar na lista e dar uma chance a ele assim que possível!

    Beijos e Sucesso!!!

    ResponderExcluir

 
♥ Meu Amor Pelos Livros ♥ - Todos os direitos reservados © 2014